Aprender inglês já é, há muito tempo, uma necessidade a qualquer profissional que queira estar bem preparado para o mercado de trabalho. O que antes era um diferencial se tornou imprescindível às carreiras no novo milênio.

Além disso, há que se quebrar barreiras como "não gosto de inglês" ou "inglês é difícil". Aprender o idioma pode ser fácil e divertido, principalmente para quem sente um pouco de dificuldade no aprendizado de outras línguas, pois sempre se pode recorrer a bons macetes e dicas para um aprendizado eficiente.

O caminho começa pelo inglês básico, que dá as primeiras noções sobre gramática, vocabulário etc. A partir daí o estudo evolui para outros níveis, mas é o básico que forma uma base sólida. Quem precisa aprender inglês ou reforçar conteúdos pode recorrer a um curso de inglês online, uma opção acessível e rápida para dar os principais fundamentos e reciclar conhecimentos.

O Enfoque Capacitação tem o Curso Online Inglês Básico que apresenta essa função: de introduzir o aluno em um universo novo e que abrirá muitas portas na carreira. Lembramos a você que o inglês é a linguagem franca do mundo dos negócios e que isso se fortaleceu a partir da década de 90 com o efeito da globalização. Mas não somente isso, também nos âmbitos acadêmico, do entretenimento e da internet o inglês tem uma grande representatividade.

Por isso aproveite as melhores aulas de inglês que você pode ter, fazendo nosso curso de inglês online. Saiba mais sobre essa opção de qualificação neste artigo, em que abordaremos alguns tópicos que formam a grade programática do curso. Boa leitura!

Inglês básico: passado simples dos verbos regulares e irregulares

O passado em inglês é um dos tempos verbais que requerem mais atenção ao aprendê-lo, pois alguns verbos apenas ganham "ED" ao final enquanto outros mudam totalmente sua forma. Por isso são chamados de verbos regulares e irregulares.

Aprender quais pertencem a um grupo e quais pertencem ao outro não é difícil, é basicamente uma questão de uso e de estar sempre atento quando utilizá-los. Cursos online sempre dispõem de uma "lista dos verbos irregulares", para ajudar com o aprendizado.

Que tal conhecer um pouco mais sobre esse tempo verbal?

Cursos relacionados que podem te interessar:

Passado simples dos verbos regulares

Como já contamos, os regulares são formados pela forma do verbo + ed. Tomemos como exemplo o verbo "work" (trabalhar): worked. A boa notícia é que é a mesma forma para todas as pessoas, veja só:

I worked (eu trabalhei)

You worked (você trabalhou) etc.

She worked

He worked

It worked (neste caso, você verá o "work" no sentido de "funcionar")

You worked

We worked

They worked

Simples, não? Bem, mas requer atenção especial em suas formas interrogativa e negativa. Você sabe que para fazer uma pergunta em inglês é preciso começar sempre por um auxiliar? E que para negar algo o NOT deve vir acompanhado desse mesmo auxiliar? Pois é, o auxiliar do passado é DID. Veja como acontece:

They worked all day long yesterday. (Eles trabalharam o dia inteiro ontem)

Did they work all day long yesterday?   /    They didn't (did + not) work all day long yesterday.

Notou o que acontece com o verbo quando utilizamos o DID? Ele volta para o infinitivo (a sua forma original).

Em respostas curtas (short answers), é também o auxiliar que faz o papel do verbo principal, veja:

Did they work all day long yesterday? (Eles trabalharam o dia inteiro ontem?)

Yes, they did. (Sim, eles trabalharam)   /   No, they didn't. (Não, eles não trabalharam)

Como pode notar, não é tão complicado. A dica é treinar, criar frases, fazer suas formas interrogativas e negativas, e as respostas curtas – dessa forma você logo estará dominando o passado simples. Além disso, pense sempre em cursos online com certificado como ótimas fontes de aprendizado e aperfeiçoamento, e aproveite ao máximo o que essas aulas de inglês lhe proporcionam.

Passado simples dos verbos irregulares

Nos verbos irregulares do inglês não se usa ED para formar o passado. Eles mudam de forma ou, como no caso do "read" (ler) altera a pronúncia. Importante frisar que ao aprender os verbos irregulares é essencial que sejam vistas suas três formas: infinitivo, passado e particípio passado. Este último é usado, além da sua função de particípio, em outros tempos verbais.

Em nosso curso de inglês online vamos utilizar as três formas em todas as aulas de inglês, porque facilita a assimilação desses verbos.

Veja alguns exemplos de verbos irregulares (a forma que nos interessa neste tópico é a segunda, o passado simples):

Infinitivo

Passado Simples

Particípio Passado

to read (ler)

read

read

to see (ver)

saw

seen

to do (fazer)

did

done

to have (ter)

had

had

to buy (comprar)

bought

bought

Exemplos de frases:

He bought a new car last week. (Ele comprou um carro novo semana passada)

Did he buy a new car last week? (Ele comprou um carro novo semana passada?)

He didn't buy a new car last week. (Ele não comprou um carro novo semana passada).

Viram que o auxiliar também é o DID e que os verbos irregulares também voltam à sua forma infinitiva quando ele é usado? Uma observação importante aqui é que o auxiliar DID não tem tradução. No entanto, o passado do verbo "to do" é DID, então é preciso fazer essa distinção. Veja:

She did her homework. (Ela fez o seu tema de casa).

Did she do her homework?    /    She didn't do her homework.

Viram como aprender inglês online pode ser muito eficiente e ter uma pegada leve e descontraída? Aprendendo o inglês básico em seus pequenos detalhes lhe ajuda a entender melhor como funciona a estrutura da língua e a fazer o uso correto do idioma.

Aposte em nosso Curso Online Inglês Básico para aprender e reforçar seus conhecimentos na língua inglesa e tenha um diferencial importante em seu portfólio.

inglês básico

Pronúncia dos verbos regulares

Ao aprender inglês nem sempre o aluno tem acesso a informações detalhadas sobre regras de gramática, pronúncia e outros. É importante que seja dada uma atenção especial a isso, uma vez que pronunciar corretamente faz toda a diferença para quem quer aprender o idioma de forma correta. Muitos aprendem a pronunciar /éd/, que não é o certo.

Vamos às regras:

1. Todos os verbos terminados em p – k – s – f – x – ch – sh: o som do ED ganha a pronúncia de /t/. Veja:

passed - /past/

worked - /workt/

wash - /washt/

2. Nos verbos terminados em n – e – m – r – b – l – v – g – w – y – z: o ED ganha a pronúncia de /d/. Exemplos:

performed - /performd/

clean - /cleand/

live - /lived/

3. Nos verbos terminados em t e d, o ED ganha o som /id/ (o som do i como em "six", bem breve)

need - /needid/

hunt - /huntid/

end - /endid/

Observação: as /chaves de pronúncia/ são somente para mostrar como fica o som final com o uso de ED, os verbos não estão representados foneticamente. 

Essa pauta deve ser imprescindível em bons cursos online voltados ao idioma (seja inglês básico, intermediário ou avançado). Também é importante que você pratique essa pronúncia até que se torne natural você utilizá-la.

Já que estamos falando em pronúncia, vamos tratar disso de forma mais abrangente no próximo tópico e tirar uma dúvida que muitos têm na hora de aprender inglês. Qual a melhor opção? O americano ou o britânico?

Inglês britânico ou americano: qual aprender?

Há muitos anos as aulas de inglês se baseavam em aprender o inglês americano ou o britânico, principalmente nos cursos de idiomas. Havia, inclusive, materiais que indicavam qual inglês era abordado. Na verdade ainda há, mais em termos de vocabulário, principalmente - por exemplo: se você precisar pedir informações sobre o metrô, na Inglaterra você utilizará "underground" (ou "the underground") enquanto nos EUA você utilizará "subway".

Mas há diferença entre as duas formas de falar inglês? Sim, há. Assim como há diferença para o inglês falado na Austrália, na Nova Zelândia, no Canadá. Entende onde queremos chegar? A discussão inglês americano x inglês britânico já ficou para trás. A preocupação com a forma de falar inglês deve ser somente a de ter a pronúncia correta, pois o sotaque vai mudar de lugar para lugar e de pessoa para pessoa.

A globalização deu aporte a um novo conceito para o idioma: o inglês universal. O mundo todo fala inglês e cada um de um jeito. É muito fácil identificar um falante de inglês que seja de naturalidade russa, por exemplo. Percebe-se o seu sotaque carregado nos "erres", mas nem por isso está errado, pois a comunicação acontece.

O que vai impactar na aquisição de um ou outro tipo de inglês é se você viver um tempo na Inglaterra, nos EUA, na Austrália ou em qualquer outro país de língua inglesa. Você certamente vai adquirir o jeito de falar da região onde estará. Se aprender inglês online e tiver mais contato com séries, filmes e materiais de áudio produzidos com nativos que falam inglês britânico, as chances de você "pegar" esse jeito de falar são grandes.

Mas veja bem, estar em um lugar falante de língua inglesa não significa que aprenderá um idioma padrão, pois há vários sotaques dentro do país. Quer entender melhor: pense em como o português é falado na região em que você mora, e como a língua muda em outras regiões. O Nordeste tem a sua maneira de falar e seu sotaque, bem diferente do Sul, por exemplo. O mesmo acontece com o inglês, em cada região de países nos quais o idioma é oficial.

Faça um teste: vá ao site dictionary.cambridge.org e pesquise pela palavra "water". Você encontrará essa palavra em diferentes contextos e com a pronúncia americana (US) e britânica (UK). Veja como são bem diferentes. Depois clique somente nas pronúncias americanas (US) e verá que muda de uma para outra.

Para finalizar: o jeito certo de falar inglês é o seu jeito, apenas utilize os conhecimentos adquiridos em cursos online com certificado, como o do nosso portal, para não escorregar na pronúncia.

Os certificados do Enfoque Capacitação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

3 motivos pelos quais o inglês é importante na carreira

O início de nosso texto já abordou um pouco sobre a relevância no inglês na vida profissional. Mas vamos ser mais diretos e lhe dizer porque você deve apostar em nossos cursos de inglês online para começar a se qualificar ou para reciclar conhecimentos. Três motivos serão suficientes para lhe convencer:

1. Melhores cargos: o leque de possibilidades se amplia quando o profissional é fluente em inglês. As transnacionais são exemplos de empresas que podem alavancar a sua carreira. Isso pode significar um bom cargo, viagens e até mesmo uma posição em uma filial em outro país.

2. Melhores salários: a 53ª edição da Pesquisa Salarial da Catho mostrou variações significativas sobre os salários de quem não tem conhecimentos em inglês, sobre quem tem em nível básico, médio e avançado. As variações salariais vão de 20 até 61%. É o tipo de informação que faz pensar na importância de investir no futuro.

3. Processos seletivos internacionais: você já pensou que pode se candidatar a uma vaga de emprego na ONU, por exemplo? Pois é, mas para isso precisa saber inglês, mesmo que seja uma vaga no Brasil, em qualquer uma das agências, programas, fundos etc. Mas há vagas para o mundo todo, em vários cargos e formações profissionais.

Esses são excelentes motivos para você se motivar e iniciar seus estudos agora mesmo. Inscreva-se em nosso Curso Online Inglês Básico e dê o melhor direcionamento à sua carreira.

Inglês para negócios

Conhecido como Business English, o inglês para negócios é voltado a criar situações específicas simulando o mundo corporativo. Assim como ele, há outros, como o Inglês para Turismo, Inglês Acadêmico e outros.

O inglês para negócios ganha cada vez mais espaço no mercado, considerando principalmente como os cursos de graduação ampliaram suas linhas de formação em negócios internacionais. Neste caso, o vocabulário é o ponto-chave, pois são os termos técnicos e da área que dão o tom ao aprendizado.

O inglês para negócios requer conhecimento prévio no idioma. Colocamos esse tópico para reforçar a você a ideia de que até para aprender inglês na sua área você terá que ter passado pelo inglês básico, daí a importância de nosso curso como primeiro passo.

Além desse curso básico, o Enfoque Capacitação oferece outras opções de cursos online com certificado voltados ao ensino de idiomas. Se você precisa treinar suas habilidades em leitura e interpretação de textos em inglês, por exemplo, temos as melhores opções nessa qualificação.

Ao fazer a inscrição para seu curso de inglês online você tem uma grata surpresa: o investimento de R$ 69,90 da taxa de inscrição lhe garante o acesso não somente a esse curso, mas a todos os cursos online do Pacote Master. São mais de 1.100 opções em temas e áreas diversos e com certificação opcional.

Aproveite as vantagens: faça a sua inscrição agora mesmo. Compartilhe a boa notícia com seus colegas e amigos, e deixe um comentário abaixo, contando se gostou de nosso artigo. Até o próximo!