Com todas essas mudanças que o país enfrenta, umas das preocupações dos brasileiros é a redução de vagas em concurso público ou que ele deixe de existir. Mas, ao contrário do que se imagina, há muitas vagas abertas em todo país e é preciso saber aproveitas as chances. Quer uma dica? Invista em cursos a distância. Explicamos por quê. Há cerca de oito anos, a prova de títulos passou a ser prevista em lei, quando foi instituído o decreto Nº 6.944 de 21 de Agosto de 2009. Desde então, esta etapa está cada vez mais frequente em concursos públicos para cargos de nível médio e superior. E quanto maior for a concorrência, maior peso ela terá no processo de seleção. E se você estiver pensando: “mas onde entra os cursos online?” Também te explicamos. A prova de títulos seleciona o candidato que tiver a melhor formação, tanto profissional, quanto educacional. Só ganha pontos, quem conseguir comprovar todos os cursos que realizou e que são relacionados à área do concurso público que irá se candidatar. Os cursos online com certificação, como os ofertados pelo Enfoque Educação, podem ser apresentados nessa fase da avaliação. Quanto mais certificados tiver, melhor! Pois significa uma pontuação maior.

Outra vantagem dos cursos EAD é que você não precisa sair de casa. Então, pode aproveitar ao máximo o seu tempo, fazer os seus próprios horários de estudo para obter a certificação e ainda estudar para a prova objetiva. Para que você entenda direitinho como funciona a prova de títulos em concursos públicos e como os cursos online com certificado podem te ajudar, separamos alguns tópicos. 

Prova de títulos: tudo o que você precisa saber está aqui

Entenda as etapas do concurso público 

O dia da prova é apenas uma das etapas do concurso público. Antes disso, e depois também, existem alguns passos. Por exemplo, os processos de seleção podem contar tanto com exames tradicionais quanto com as avaliações de títulos. O exame tradicional é obrigatório. Já um concurso apenas com prova de títulos, não é válido. 

Por isso, o primeiro passo é ficar atento ao que está escrito no edital. Nele, você saberá qual a data da prova, quantas perguntas ela terá, quais os conteúdos, se o concurso terá prova de títulos e qual será o seu peso, entre outras informações importantes sobre o processo de seleção.

Depois que você souber tudo sobre a vaga, poderá decidir se tem o perfil para se aplicar a ela. Por isso, o segundo passo é realizar a inscrição. Passado esse período, vem o processo seletivo. Essa etapa varia de acordo com cada empresa, instituição organizadora ou o cargo. O processo de seleção pode ser feito apenas com provas objetivas e pode conter também avaliação discursiva, teste de habilidades físicas, entre outros.

Após as provas, que podem ser realizadas em apenas um dia ou em etapas, a banca examinadora irá fazer a correção das avaliações discursivas - se elas constarem no processo de seleção - e divulgará o gabarito da prova objetiva. Um período é reservado para que os "concurseiros" possam pedir recurso do exame. Passado esse prazo, finalmente é feita a convocação dos candidatos, de acordo com a ordem de aprovação. 

O edital fala em prova de títulos, e agora?

Se o edital das provas de concursos públicos determina a realização da prova de títulos, então ele também lista os títulos que fazem parte da avaliação e informa os pontos que serão atribuídos a cada um deles. Essa informação é muito importante. Pois, apesar de a prova de títulos em concursos públicos não ser eliminatória, ela é classificatória. Isto é, ela acrescenta pontos de acordo com os títulos apresentados.  

Na verdade, embora a nomenclatura dessa etapa traga a palavra ‘prova’, não se trata de um teste propriamente dito. Trata-se de uma apresentação de títulos. Todos eles devem estar associados com o cargo do candidatado. Se o candidato não tem nada a apresentar, ele deixa de pontuar, o que normalmente é decisivo na classificação. Mas, de nenhuma forma alguma, ele será desclassificado do concurso público por causa disso. 

A análise dos títulos apresentados ocorre após a etapa das provas objetivas. Os candidatos classificados nessa primeira fase são chamados para apresentar os documentos que comprovem a formação profissional e educacional. 

 

Cursos relacionados que podem te interessar:

O que é aceito nessa etapa?

O objetivo da prova de títulos em concursos públicos é selecionar os candidatos que estão melhores preparados. São indicativos dessa preparação títulos como o de pós-graduação, mestrados, doutorado, pós-doutorado, MBA, cursos livres, cursos EAD, publicação de livros de artigos, trabalhos científicos e experiência profissional. 

Se você já tem experiência profissional e uma pós-graduação, por exemplo, os cursos a distância vêm a somar. Se você não tem nenhum dos dois, novamente, os cursos online com certificado podem fazer toda a diferença na sua pontuação. É muito comum em concursos públicos para cargos técnicos, por exemplo, pedir títulos na área de administração e contábil

Só pontua quem tem como comprovar

Não adianta ter dezenas de títulos, se você não conseguir comprovar que efetivamente participou desses cursos. É claro, que o conhecimento adquirido é para a vida toda. Mas, se tratando de concursos públicos, é sempre bom ter uma carta a mais na manga. Por isso, é necessário verificar no edital o que é considerado como comprovante, porque o critério pode variar conforme a empresa e instituição organizadora ou o cargo pretendido. 

Vou dar alguns exemplos. Geralmente, é requerido um diploma para comprovar a graduação, logo, se você apresentar um certificado de conclusão de curso, ele será rejeitado. Para comprovar experiência profissional, é necessário ter o registro na carteira profissional. Não basta apresentar, apenas, uma declaração da empresa dizendo que você trabalhou lá. No caso dos cursos online com certificado o candidato geralmente entrega uma cópia autenticada para a banca examinadora. Esses detalhes são muito importantes e sempre constam no edital. Então, fique de olho! Com tantas preocupações e processos que envolvem uma seleção de concurso público, confusões na apresentação de documentos é mais comum do que se pensa. É melhor fazer tudo correto para evitar ter que solicitar algum tipo de recurso no concurso público na prova de títulos.

Para comprovar os títulos, o mais comum é que os candidatos levem a documentação até um local previamente determinado no edital. Um prazo é estabelecido para que os documentos sejam entregues, o que ocorre após o resultado da primeira etapa da seleção, como vimos anteriormente. Esse prazo determinado para entrega ou envio dos títulos pode variar de dois a dez dias. Outras formas menos frequentes são exigir que o candidato envie os documentos por correio, ou os leve no dia da prova da primeira etapa ou no dia da posse do cargo. 

Não deixe para a última hora!

Não espere o resultado final da primeira etapa, que normalmente consiste nas provas objetivas e discursivas, para providenciar a documentação para a prova de títulos. Essa preocupação o candidato já deve ter assim que sair o edital. Providenciar os documentos comprobatórios pode levar tempo, por isso, deve ser feito o quanto antes. E caso não siga as regras do edital, o candidato pode perder a vaga para outro que foi tão bem quanto ele nas provas de concursos públicos, mas ficou com uma colocação melhor porque conseguiu uma pontuação maior na prova de títulos

Evite ter que pedir recurso no concurso público na prova de títulos, isto é, solicitar a revisão dos documentos, se preparando para essa etapa com antecedência. Em caso de dúvidas sobre tipos de cursos e de documentos comprobatórios, você poder entrar em contato com a organizadora do concurso ou com o próprio órgão público para que eles te passem as orientações necessárias. 

prova de títulos

Recurso também é aplicável em prova de títulos

Questionamentos dos candidatos são validos em qualquer uma das etapas do concurso público, de acordo com as regras das reivindicações publicadas pela banca examinadora no edital. Pontos do edital, questões, gabaritos e resultados de todas as provas previstas nas seleções, inclusive a de títulos, podem se tornar alvos de reclamações por meio de recursos administrativos.

Os recursos são aceitos depois que o gabarito da prova objetiva é divulgado ou após o resultado preliminar de cada prova. No caso do pedido de recurso no concurso público na prova de títulos, a revisão é solicitada após o resultado preliminar dessa etapa. O prazo normalmente dado pelo órgão organizador para que os candidatos oficializem as reclamações é de dois dias úteis, que são contados a partir do dia seguinte à divulgação do gabarito ou resultados provisórios das etapas. Quando o resultado definitivo é divulgado, geralmente não são aceitos mais recursos.

Nos editais, as bancas examinadoras solicitam que os recursos estejam devidamente fundamentados, claros e objetivos.

Prova de títulos em processo simplificado

processo simplificado serve para atender a uma demanda do órgão público em tempo mais hábil e resolver com maior rapidez o problema do contratante. A maior parte dos processos de seleção desse tipo de modalidade, que são diferente das provas de concursos públicos, é feita somente por provas de títulos

Vamos supor que uma das prefeituras do país abra um processo seletivo simplificado para zelador de escola. Se você tiver o certificado específico, poderá se candidatar para essa vaga. Isso significa que quanto mais cursos constarem no seu currículo, maior será o reconhecimento e as chances de ter um emprego público. Então, confira a lista de cursos do Enfoque Capacitação e fique atualizado nos editais. 

Se mantenha atualizado para não “comer mosca”! 

Conhecimento nunca é demais! E na prova de títulos o seu conhecimento é pontuado. Então, as vantagens são muitas para quem se mantém sempre atualizado e com vontade de adquirir cada vez mais conhecimento. Essa preparação não vem em curto prazo. É preciso separar alguns minutos do seu dia para ter uma “bagagem curricular”. Assim, quando chegar o concurso público que se encaixa no seu perfil, você estará preparado e bem a frente dos outros candidatos. 

Os cursos à distância, mesmo os que têm pouca carga horária, é um diferencial. Por isso, a prova de títulos também envolve a perseverança e força de vontade do candidato em estar sempre por dentro da sua área e transformar essa conhecimento em um futuro bem sucedido no funcionalismo público. Lembre-se, que tudo isso faz muita diferença na hora da aprovação, então, não “coma mosca”! 

Vantagens dos cursos a distância para a obtenção de títulos

Uma queixa recorrente das pessoas mais atarefadas, que trabalham, estudam e ainda dividem seu tempo com as tarefas de casa, é a dificuldade de tornar o seu dia mais produtivo. 

Se o mundo moderno exige que façamos várias tarefas ao mesmo tempo e com prazos determinados, não há como fugir disso. Mas tem como melhorar. Quer saber como? Se organizando. Só assim você poderá ter qualidade nas tarefas que precisa desenvolver durante o seu dia e ainda terá tempo para se dedicar ao concurso público que deseja prestar. 

Se o concurso exige prova de títulos, então é importante incluir os cursos livres na sua agenda. E uma ótima forma de incluí-los sem se atrapalhar nos horários é com os cursos EAD. Onde encontrá-los? O Enfoque Capacitação, tem cursos ideais para quem tem uma rotina corrida. 

O sucesso do portal se deve à disponibilidade dos cursos, que estão 24 horas por dia no Enfoque Capacitação para você acessar quando quiser, incluindo feriados e finais de semana. O conteúdo de excelência também é um diferencial. No portal, você também encontra informações sobre a praticidade dos cursos online e outras dicas para garantir mais produtividade e aprender a como estudar melhor. Assim, você conseguirá aliar a necessidade de uma certificação com um dia mais produtivo. O resultado? Melhores colocações nos concursos públicos e maior bagagem de conhecimento.

Os certificados do Enfoque Capacitação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Saiba as metodologias de aprendizagem certas para obter seu título

Há alguns anos, não muito tempo atrás, para se conseguir obter uma nova qualificação ou apenas se atualizar na área que tem interesse era preciso se deslocar e desembolsar uma grande quantia para arcar com as despesas de matrícula e mensalidade. Esses cursos eram, portanto, destinados para um grupo privilegiado da população. 

Mas hoje em dia esse cenário mudou, graças à popularização dos cursos online. Ancorados pela tecnologia na educação, você pode obter certificados em dezenas de áreas de estudo, sem sair de casa: basta escolher uma instituição de ensino a distância, optar pelo curso que deseja e iniciar os estudos.

Para que os cursos oferecidos contribuam de forma válida e possibilitem que você desenvolva um bom trabalho no funcionalismo público, no entanto, é preciso atentar-se aos métodos e técnicas de ensino utilizadas. 

Se você quiser entender melhor os principais conceitos que envolvem cada uma das metodologias de ensino, acesse o artigo: Conheça as 4 melhores metodologias de aprendizagem para cursos online

Esperamos que após desta leitura você possa ficar por dentro de todo o que é necessário saber sobre a prova de títulos, bem como a importância dos cursos online com certificado nesse processo. Com todas estas informações relevantes, acreditamos que você está pronto para obter as melhores classificações em concursos públicos. 

Navegue pelas categorias disponíveis no portal, escolha a área de estudo que mais gosta - ou que deseja obter a certificação - e faça sua  inscrição em nossos cursos EAD. Com um investimento único de apenas R$69,90 você obtém acesso a todos os cursos online que deseja fazer. Então, junte-se aos mais de 160 mil alunos certificados e conquiste sua ascensão profissional. O sucesso só depende de você. Caso tenha dúvidas, não hesite em deixar o seu comentário, que responderemos em breve. Boa sorte e até uma próxima!